A Universidade Federal do Paraná abre processo seletivo para pessoas refugiadas

A Universidade Federal do Paraná acaba de divulgar o Edital do processo seletivo para ingresso de pessoas refugiadas nos cursos de graduação da universidade, para 2020. O processo é destinado a candidatos  que comprovem, por meio de documentos, a  conclusão de ensino médio e da condição de pessoa refugiada, tais como cópia da solicitação de refúgio no Ministério da Justiça ou na Polícia Federal ou atestado reconhecido pelo Comitê Nacional de Refugiados (Conare), do Ministério das Relações Exteriores.

Serão oferecidas 10 vagas e os interessados em participar do processo devem seguir as normas, orientações, e pré-requisitos estabelecidos no Edital e se inscreverem até o dia 11 de novembro.

A escolha dos candidatos será de acordo com a ordem de classificação. Estão excluídos do processo os cursos de Estatística e Matemática, Música (Licenciatura e Bacharelado), Design de Produto, Design Gráfico e de Arquitetura e Urbanismo, em razão de suas especificidades.

Para acessar o edital, clique aqui.

Para acessar o conteúdo das provas, clique aqui.