Deslocamento Criativo apresenta panorama de refugiados empreendedores na cidade de SP

O projeto Deslocamento Criativo apresenta um retrato de oportunidades e desafios de refugiados vindos da África e do Oriente Médio que atuam na área de economia criativa na cidade de São Paulo. Os resultados desse mapeamento integram a plataforma digital do projeto, lançada em julho do ano passado e disponível no endereço: http://www.deslocamentocriativo.com.br/

A plataforma pretende ser a principal fonte de referência para quem deseja conhecer e contratar os trabalhos desenvolvidos por pessoas em situação de refúgio vindas da África e do Oriente Médio (Síria, Palestina, República Democrática do Congo, Angola e Senegal) e que hoje residem na cidade de São Paulo. No Mapa da Economia Criativa de SP, estão identificadas iniciativas de refugiados nas áreas de gastronomia, moda, línguas & cultura, arte & artesanato.

A força da produção criativa realizada por refugiados na cidade de São Paulo, segundo principal destino dos refugiados que chegam ao país, ainda é pouco conhecida. E é essa lacuna que o projeto Deslocamento Criativo busca agora suprir com a plataforma.

A ação foi desenvolvida com o apoio da Secretaria de Cultura do Governo do Estado de São Paulo, por meio do Programa de Ação Cultural (ProAC – Editais).